sábado, 12, junho, 2021
InícioNotíciasBrasilAnvisa apresenta documentos sobre falha técnica em Sputnik V e rebate Fundo...

Anvisa apresenta documentos sobre falha técnica em Sputnik V e rebate Fundo Russo

Publicidade

Nesta quinta-feira (29), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) rebateu o comunicado em que havia recebido críticas sobre a liberação da vacina Sputnik V que foi recusada no Brasil.

Acusada de ter recusado o pedido por motivos políticos, a Agência rebateu as críticas explicando os motivos.

Publicidade

“Fizemos um comunicado com o objetivo de refutar a grave acusação que impacta na confiança e credibilidade da autoridade do Estado Brasileiro. A Anvisa foi acusada de mentir e atuar de maneira antiética e de produzir fake news sobre a presença do adenovírus replicante”, avisou Antônio Barra Torres, presidente da agência. “A Diretoria Colegiada da Anvisa, atendendo estritamente ao interesse público, esclarece que as informações sobre a presença do adenovírus replicante constam no documento entregue pelo próprio desenvolvedor”, continuou.

De acordo com Gustavo Mendes, que é gerente-geral de Medicamento e Produtos Biológicos, a empresa russa diz que o processo de fabricação das partículas rAd5-SCov2 poderia produzir adenovirus replicantes, más de acordo com a avaliação que foi feita por especialistas experientes, as vacinas precisam ainda ser mais seguras, ou seja, não podem causar quaisquer danos às pessoas.

Publicidade
Publicidade

Os testes não mostraram seguranças – nos testes realizados, foi notada a presença do adenovírus replicante, e por conta disso, foi enviado uma lista de exigências que até o momento não haviam sido respondidas.

“Estamos abertos para discutir, sabemos como funciona a ciência. E no que diz respeito a esse assunto, temos um dossiê de mais de 600 páginas que contempla esse tópico do adenovírus replicante”, avisou.

Já os desenvolvedores da Sputnik V, avisaram que iriam processar a Anvisa por difamação.

“Após o reconhecimento do regulador brasileiro Anvisa de que não testou a vacina, a Sputnik V está tomando uma ação legal por difamação no Brasil contra a Anvisa por deliberadamente disseminar informações falsas e imprecisas”, afirmou em sua conta no Twitter. “A Anvisa fez declarações incorretas ou enganosas sem ter testado a vacina Sputnik V.”

Janehttps://www.facebook.com/EditoraZip
Nascida em São Paulo, onde moro há 20 anos, trabalho na internet há 8 anos escrevendo artigos sobre diversos nichos, como celebridades, curiosidade, relacionamento, etc. Procuro sempre trazer notícias interessantes, buscando a qualidade e a veracidade. Amo gatos! Contato: [email protected]
- Publicidade -

POSTS RECENTES

COMENTÁRIOS RECENTES